6 Efeitos Colaterais Graves Provocados Pela Goma de Mascar

Tamanho da fonte:

Por Dr. Mercola

Muitas pessoas mastigam a goma como se fosse lanche simplesmente porque gostam do sabor ou da distração que ela oferece.

Alguns usam isso para aliviar o estresse ou até mesmo como uma ferramenta para reduzir suas vontades por alimentos (isso geralmente não funciona, conforme vou explicar em breve).

Se você é um mastigador regular de goma de mascar, há evidências convincentes de que este é um hábito que é melhor evitar.

Desde seus ingredientes questionáveis até seu impacto nos dentes e na digestão, o lugar da goma de mascar é no lixo - não na sua boca.

6 Efeitos Colaterais Graves Provocados Pela Goma de Mascar

1. A Goma de Mascar Pode Aumentar sua Ingestão de Junk Food

Muitas pessoas mascam um pedaço de goma de mascar para reduzir suas vontades por alimentos e, teoricamente, ajudá-los a evitar consumir alimentos não saudáveis.

No entanto, embora as pesquisas demonstrem que a mascar goma de mascar reduz a motivação para comer, as refeições feitas por aqueles que mascam gomas acabam sendo menos nutritivas do que aquelas consumidas por pessoas que não mascam goma.

Por exemplo, as pessoas que mastigavam gomas estavam menos propensas a comer frutas e, em vez disso, estavam mais motivadas a comer junk food, como batatas fritas e doces.

Isto provavelmente ocorre porque o sabor de menta da goma de mascar faz com que frutas e vegetais tenham um sabor amargo.

2. Ela Pode Desencadear DTM (disfunção da articulação temporomandibular) em sua mandíbula

A goma de mascar pode causar um desequilíbrio no músculo do maxilar (se você mastigar mais de um lado do que do outro) e até a DTM ou distúrbio da articulação temporomandibular na mandíbula, o que pode ser uma doença crônica dolorosa.

Sempre que você usa excessivamente um certo conjunto de músculos, isso pode provocar contração dos músculos e dores relacionadas a isso, incluindo dores de cabeça, dores de ouvido e dores de dente ao longo do tempo.

3. Problemas Gastrointestinais

A goma de mascar faz com que você engula excesso de ar, o que pode contribuir para dor abdominal e inchaço, normalmente percebidos na síndrome do intestino irritável (SII).

Além disso, quando você masca goma, você envia ao seu corpo sinais físicos de que alimento está prestes a entrar no seu corpo. As enzimas e os ácidos que são ativados quando você masca gomas são, portanto, liberados, mas sem encontrar os alimentos aos quais eles estavam destinados a digerir.

Isso pode causar inchaço, super produção de ácido estomacal e pode comprometer sua capacidade de produzir secreções digestivas suficientes quando você realmente consome alimentos.

Algumas pessoas também podem ter sintomas gastrointestinais adversos, incluindo diarreia, provocados pelos adoçantes artificiais que são comumente encontrados na goma de mascar.

4. Dano dos Dentes - Mesmo de Goma de Mascar Sem Açúcar

Se a sua goma de mascar contém açúcar, você está essencialmente "banhando" seus dentes em açúcar enquanto você a mastiga. Isso pode contribuir para a cárie dentária. Mesmo se você mascar gomas sem açúcar, ainda existem riscos para os dentes, porque a goma de mascar sem açúcar geralmente contém aromas e conservantes ácidos que, de fato, podem levar à erosão dentária, mesmo que ela contenha xilitol que combate cáries. Ao contrário das cáries, a erosão dental é um processo de descalcificação incremental que, ao longo do tempo, literalmente dissolve seus dentes.

5. Subprodutos de Ovinos

A goma de mascar contém frequentemente lanolina, uma substância cerosa que é derivada da lã de ovinos, para ajudá-la a ficar macia. Embora não seja necessariamente perigoso para a sua saúde, mascar a lanolina não é exatamente saboroso.

6. Libera o Mercúrio dos seus Preenchimentos

Se você tiver preenchimentos de mercúrio, você deve saber que a goma de mascar pode fazer com que esta neurotoxina conhecida seja liberada dos preenchimentos para seu organismo. De acordo com um estudo realizado:

"… a goma de mascar mostrou aumentar a taxa de liberação de vapor de mercúrio a partir de preenchimentos de amálgama dentário ... O impacto da mastigação excessiva sobre os níveis de mercúrio foi considerável."

Toda vez que você mastiga, o vapor de mercúrio é liberado e rapidamente entra em sua corrente sanguínea, provocando processos oxidativos nos seus tecidos.

A Goma de Mascar foi Associada a Dores de Cabeça em Adolescentes

Adolescentes são notórios por mascar e fazer bolas de goma de mascar. Se o seu filho é um mascador de gomas regular e sofre de dores de cabeça, você deve saber que foi recentemente estabelecida uma associação entre os dois fatores.

Um estudo envolveu 30 mascadores diários de gomas entre idades de seis e 19 anos. Cada um deles sofria de enxaquecas crônicas ou de dores de cabeça causadas por tensão.

Depois de deixar de mascar gomas durante um mês, 19 deles viram suas dores de cabeça desaparecerem completamente, enquanto que outras sete tiveram uma redução na frequência e na gravidade da dor de cabeça. Vinte e seis das crianças, então, começaram a mascar gomas novamente, tendo suas dores de cabeça de volta em apenas alguns dias.

Os pesquisadores acreditam que as dores de cabeça podem estar associadas à DTM induzida por gomas de mascar, que pode causar dores de cabeça. Pesquisas passadas também sugeriram que a goma de mascar pode causar dores de cabeça através da exposição ao aspartame.

A Maioria das Gomas de Mascar Contém Adoçantes Artificiais

Você pode não prestar muita atenção aos ingredientes contidos na goma de mascar porque, afinal, na verdade ele não é realmente engolido. Mas os ingredientes, muitos dos quais são potencialmente perigosos, entram no seu organismo, diretamente através das paredes da boca.

Tal como acontece com os ingredientes tóxicos em produtos de cuidados pessoais, como loções, que são absorvidas diretamente através da pele e vai parar na corrente sanguínea, os ingredientes da goma de mascar também são absorvidos pelo seu organismo de forma rápida e direta, ignorando o sistema digestivo que normalmente ajudaria a filtrar algumas das toxinas.

Um tipo de produto químico nocivo são os adoçantes artificiais, que são onipresentes nas gomas de mascar. Muitas pessoas escolhem gomas de mascar sem açúcar de propósito, acreditando que seja mais saudável do que outras variedades. Mas mesmo as marcas sem açúcar podem conter algum tipo de adoçante artificial. É muito incomum não ser dessa forma.

Um dos adoçantes artificiais mais comumente utilizados na goma de mascar é o aspartame. O aspartame é metabolizado dentro do organismo tanto em álcool de madeira (um veneno) quanto em formaldeído (que é um carcinógeno usado como líquido de embalsamamento e não é eliminado do seu organismo através da filtragem normal de resíduos feita pelo fígado e rins).

Ele foi associado a defeitos congênitos, cânceres, tumores cerebrais e ganho de peso.

A Sucralose (Splenda), outro adoçante artificial normalmente usado na goma de mascar, foi aprovada pela US Food and Drug Administration (FDA) com base em apenas dois estudos realizados em humanos, o mais longo dos quais durou apenas quatro dias - mesmo que estudos realizados com animais tenham concluído que o adoçante estava associado à diminuição dos glóbulos vermelhos (um sinal de anemia), infertilidade masculina, aumento no tamanho dos rins, abortos espontâneos e aumento da taxa de mortalidade.

Você também pode se surpreender ao saber que consumir adoçantes artificiais pode causar distorções na sua bioquímica que podem na verdade fazer você ganhar peso.

Estudos que analisam esta questão mostram muito claramente que os adoçantes artificiais podem realmente causar um maior ganho de peso do que o açúcar ao estimular seu apetite, aumentando suas vontades por carboidratos e estimulando o armazenamento de gordura.

4 Ingredientes Contidos na Goma de Mascar a Ser Evitados

Existem marcas naturais de gomas de mascar no mercado que não contêm esses ingredientes questionáveis, então, se você deve mascar goma, procure por estes.

No entanto, mantenha em mente que mesmo as gomas de mascar naturais representarão riscos de desenvolvimento de excesso de mastigação, incluindo DTM, problemas digestivos e mais.

1. BHT (Hidroxitolueno Butilado)

O BHT é tão tóxico que já foi banido em muitos outros países. Nos EUA, muitas vezes é usado como conservante na goma de mascar e outros alimentos processados. O BHT foi associado à toxicidade do sistema orgânico, incluindo danos ao rim e ao fígado, hiperatividade em crianças e pode ser cancerígeno.

2. Cálcio de Caseína Peptona (Fosfato de cálcio)

Encontrado principalmente na goma de mascar Trident, acredita-se que este ingrediente pode ser usado como agente de clareamento ou texturizador. Como um derivado do leite altamente processado, pouco se sabe sobre sua ingestão a longo prazo, embora a caseína tenha sido anteriormente associada a intoxicações em leite artificial na China e é um desencadeador bem reconhecido de autoimunidade.

3. Base da Goma de Mascar

É um mistério saber do que a "base da goma de mascar" é realmente feita, mas investigadores descobriram que geralmente é uma mistura de elastômeros, resinas, plastificantes e preenchimentos. A maioria dos fabricantes não revela mais detalhes além desses. Afinal, por que eles iriam querer que você soubesse que está potencialmente mastigando cera de parafina derivada de petróleo, acetato de polivinila (cola de carpinteiro) e talco, todos os quais associados ao câncer.

4. Dióxido de Titânio

O dióxido de titânio é frequentemente usado como agente de branqueamento na goma de mascar, mas foi associado a distúrbios autoimunes, asma e doença de Crohn e é potencialmente cancerígeno - especialmente na forma de nano partículas. Um estudo realizado concluiu que crianças estão altamente expostas ao dióxido de titânio em doces, sendo que as gomas de mascar contêm os níveis mais altos.

Por Que Você Está Mascando Gomas?

Abaixo estão vários motivos comuns pelos quais as pessoas mascam gomas, juntamente com alternativas para ajudá-lo (a) a se livrar deste hábito, mas sinta-se à vontade para listar suas próprias soluções criativas na seção de comentários abaixo.

  • Para aliviar o estresse: Experimente essas oito dicas para aliviar o estresse em conjunto com as Técnicas de Libertação Emocional (Emotional Freedom Technique-EFT), que são baseadas no conceito de que uma energia vital flui através de seu corpo ao longo de caminhos invisíveis conhecidos como meridianos. As EFT estimulam diferentes pontos meridianos de energia em seu corpo ao ser tocados com a ponta dos dedos, ao mesmo tempo que usam afirmações verbais feitas sob medida.
  • Para refrescar o hálito: Carregue uma escova de dente e uma pasta de dente com você para que você possa escovar os dentes mesmo quando estiver viajando. Um spray de hálito natural também funciona bem para cumprir esse propósito.
  • Para superar suas vontades por alimentos: Os toques e afirmações positivas das EFT são frequentemente eficazes na redução da vontade por alimentos.
  • Pelo sabor: Para opções saborosas mais saudáveis, tente beber um copo de água infundido com folhas de hortelã fresca, canela ou citrinos.