Combata Inflamações e Doenças Crônicas Caminhando Descalço (a) sobre a Terra

Caminhar Descalço

Resumo da matéria -

  • Quando você coloca os pés descalços no solo, você absorve uma grande quantidade de elétrons negativos através das solas dos pés
  • Estes elétrons livres agem como antioxidantes no organismo e ajudam na redução de inflamações crônicas, raízes de várias doenças crônicas
  • Através do simples ato de caminhar descalço (a) sobre a Terra e executar um ponto de contato com a terra quando estiver dentro de um ambiente, torna-se possível impedir o desenvolvimento de doenças crônicas e até mesmo retardar o envelhecimento
Tamanho da fonte:

Por Dr. Mercola

O que é o Contato com a Terra e Como Funciona?

O conceito do contato com a terra foi inicialmente desenvolvido por Clint Ober, que começou a estudá-lo ao tentar curar a si próprio e o apresentou a Sinatra. Como executivo de televisão a cabo aposentado, Ober observou que quando os cabos estavam em “contato com a terra”, eliminavam-se as interferências de sinal.

Todos os sistemas elétricos são estabilizados desta forma levando Ober a imaginar se o corpo, também um organismo bioelétrico, transmissor de sinais, poderia igualmente ficar conectado à terra.

Ele descreve a invenção do material sintético, que, por sua vez, permitiu que solas sintéticas fossem colocadas em nossos sapatos como ponto chave do problema, uma vez que elas efetivamente nos isolam da Terra.

Não é incomum para várias pessoas passar o dia inteiro, desde o nascer do sol até o pôr do sol, sem contato com a terra. Porém, apesar de isto ter se tornado regra, é também completamente artificial. Dependemos da Terra para sobreviver, porém tornamo-nos completamente desconectados dela, de forma que estamos completamente separados.

A Dra. Laura Koniver, que descobriu o contato com a terra quase por acidente após, aparentemente, este fato parecer ter acalmado o choro de seu bebê, diz no filme:

“O contato com a terra significa conexão com a Terra para auxiliar o funcionamento específico dos órgãos do corpo. Ele auxilia o corpo como um todo, porém especificamente auxilia os sistemas orgânicos abaixo dos tecidos e o funcionamento celular do corpo inteiro.”

Seu Organismo Precisa Estar Conectado à Terra da Mesma Forma que Precisa de Ar e da Luz Solar

Você não deve imaginar seu organismo como gerador de eletricidade, porém você é como um ser elétrico e é por isso que, em grande parte, é tão importante usar o contato com a terra para explorar a carga elétrica da Terra para influenciar, de forma positiva, sua saúde. Gaetan Chevalier, Ph.D. e engenheiro/físico que estudou o contato com a terra, explica:

“Sem nosso conhecimento, vivemos dentro de uma bateria. A superfície da Terra é carregada negativamente e a ionosfera, camada da atmosfera 96 metros acima, é ionizada pelo sol. Os raios solares são tão fortes que dividem as moléculas em duas, uma carga positiva e uma carga negativa.  

As cargas negativas são transferidas para a superfície da Terra, principalmente através da iluminação, e as cargas positivas ficam 96 metros acima. O problema ocorre quando não possuímos uma carga negativa. Precisamos do contato com a terra da mesma forma que precisamos do ar e da luz solar.”

Quando você coloca os pés descalços no solo, absorve grandes quantidades de elétrons negativos através das solas dos pés. No mundo atual, isto é mais importante que nunca, porém cada vez menos pessoas conectam-se à Terra dessa forma.

Os radicais livres do estresse proveniente da poluição, de cigarros, de pesticidas, de alimentos processados e da radiação, somente nomeando alguns fatores, continuamente esgotam os elétrons de seu organismo.

A Terra, no entanto, é sempre rica em elétrons e pode servir como suprimento poderoso e abundante de elétrons antioxidantes contra radicais livres se você fizer um esforço para manter-se em contato com a terra.

Sem um suprimento adequado de antioxidantes, os radicais livres podem sobrecarregar seu organismo levando ao estresse oxidativo, inflamações e envelhecimento acelerado. "Sabemos agora que o estresse oxidativo provoca doenças. Ele provoca inflamações," afirma Sinatra. "[Porém] temos esta Terra – Mãe Terra – que vai nos fornecer todos estes elétrons livres."

O Contato com a Terra Acaba com as Inflamações

Um dos benefícios primários do contato com a terra é a ajuda de seu efeito antioxidante no alívio a inflamações do organismo. Sinatra observa que:

“Em termos simples, o que a Conexão com a Terra faz é literalmente apagar as chamas da inflamação e a inflamação é fonte de todas as raízes de doenças, incluindo a doença de Alzheimer, o câncer, doenças cardíacas, diabetes — ou seja, a lista é grande – se você puder impactar a inflamação e... pará-la, seremos seres mais saudáveis.”

Em uma pesquisa conduzida por Chevalier e seus colegas, foi observado que o contato com a terra produz diferenças mensuráveis nas concentrações de moléculas, incluindo células brancas do sangue e citocinas, envolvidas na resposta inflamatória.

O relatório também concluiu que o contato com a terra “reduz dores e altera o número de neutrófilos e linfócitos circulantes e, igualmente, afeta vários fatores químicos circulantes relacionados à inflamação”. No filme, Ober explica como o contato com a terra pode reduzir inflamações através do suprimento de elétrons livres ao organismo:

“A inflamação é produzida por neutrófilos, que são células brancas do sangue. Se você tem um ferimento, você tem uma célula danificada, portanto essas células brancas do sangue aparecem e encapsulam a célula danificada e liberam espécies reativas de oxigênio que rompem os elétrons da célula danificada destruindo-a.  

Se não houver elétrons livres suficientes ali para reduzir os radicais remanescentes, eles roubarão um elétron de uma célula saudável e, no processo, irão danificá-la.

Então, a mensagem segue para o sistema imunológico e outro neutrófilo age da mesma forma, eliminando aquela célula, desencadeando, assim, uma reação em cadeia.”

O Contato com a Terra Pode Reduzir os Riscos de Desenvolvimento de Doenças Cardíacas, Protegê-lo (a) Contra Campos Eletromagnéticos e Mais

Doenças cardíacas têm raiz em processos inflamatórios, portanto não é surpresa que este principal detonador da doença esteja entre aqueles ajudados pelo contato com a terra.

Uma pesquisa publicada no Journal of Alternative and Complementary Medicine (Revista da Medicina Alternativa e Complementar) revelou que duas horas de contato com a terra aumentaram a carga superficial das células vermelhas do sangue e, assim, reduziram a viscosidade e a aglutinação do sangue.

Como resultado, pesquisadores, incluindo Chevalier e Sinatra, concluíram que o “contato com a terra parece ser uma das mais simples e profundas intervenções para ajuda na redução de riscos cardiovasculares e eventos cardiovasculares”

Em outra pesquisa realizada, um estudo piloto sobre o efeito do contato com a terra sobre a dor muscular tardia (DOMS) que geralmente ocorre após exercícios intensos, deixar o corpo em contato com a Terra demonstrou alterar medidas da atividade do sistema imunológico e da dor.

O contato com a terra por uma hora também melhorou significativamente o humor de um grupo de 40 adultos e acalmou seu sistema nervoso, o qual sustenta a taxa de variabilidade cardíaca.

Quando você dá suporte à taxa de variabilidade cardíaca, ocorre a promoção da homeostase, equilíbrio, em seu sistema nervoso autônomo. Isto é importante porque, sempre que você melhora a taxa de variabilidade cardíaca, você melhora todo o funcionamento do organismo.

Fazer o contato do corpo com a Terra durante o sono similarmente demonstrou efeitos benéficos, incluindo o ritmo diário do cortisol e melhora do sono. Existem evidências de que o contato com a terra reduz os campos elétricos induzidos no organismo, o que tem sido cada vez mais importante no mundo moderno. Pesquisadores escreveram:

“O estudo mostrou que quando o corpo está em contato com a terra, seu potencial elétrico torna-se equalizado com o potencial elétrico da Terra através da transferência de elétrons da Terra para o corpo.

Isto, por sua vez, evita que o modo 60 Hz [voltagem ambiente] produza um potencial elétrico CA [corrente alternada] na superfície do corpo e produza distúrbios nas cargas elétricas das moléculas do organismo.  

O estudo confirma o “efeito guarda-chuva” da conexão do corpo com a terra explicado pelo vencedor do prêmio Nobel Richard Feynman em sua palestra sobre eletromagnetismo. Feynman afirmou que quando o potencial elétrico do corpo é o mesmo da Terra (e, portanto, em contato com a terra), ele torna-se uma extensão do gigante sistema elétrico da Terra.

O potencial da Terra torna-se, dessa forma, ‘o agente de ação que cancela, reduz ou empurra para longe os campos elétricos do corpo.’”

Que Tipo de Sapato Permite que Você Mantenha-se em Contato com a Terra?

Borracha, plástico e outros tipos de sola sintética irão te isolar da Terra e dos benefícios de manter-se em contato com ela. Solas tradicionais de couro não permitirão que isso aconteça, porém você pode igualmente conseguir benefícios do contato com a terra simplesmente caminhando descalço (a), o que ainda é praticado em algumas partes do planeta.

Assim como andar descalço foi amplamente difundido uma vez, foi igualmente difundido o ato de dormir no chão. No mundo moderno, dormir em ambiente interno serve para te isolar ainda mais da Terra, embora seja relativamente simples manter seu colchão em contato com a terra enquanto você dorme.

Quando você estiver em ambiente interno, um tapete para contato com a terra colocado onde você trabalha ou dorme pode colocar você em contato com a Terra da mesma forma que ocorre quando caminha descalço (a) em ambientes externos.

Parece tão simples, quase simples demais, porém como Sinatra afirmou, “Isto é material para o Prêmio Nobel.” Existem, no momento, quase duas dúzias de estudos publicados falando sobre o contato com a terra e há outros que certamente virão.

“Pesquisas realizadas até o momento”, escreveram os pesquisadores no Journal of Environmental and Public Health (Revista da Saúde Pública e Ambiental), “suportam o conceito de que o contato do corpo humano com a terra ou a conexão do corpo humano com a terra pode ser elemento essencial na equação da saúde juntamente com a luz solar, ar e água puros, alimentos nutritivos e atividade física. ”

Se você quiser mais informações a respeito do assunto, outro documentário chamado “Grounded” (Em contato com a Terra), permite a você enxergar como este incrível fenômeno transformou a vida de pessoas que sofriam de problemas de saúde como dor crônica, e como um homem que estava preso a uma cadeira de rodas por décadas foi capaz de andar novamente após realizar a terapia de contato com a terra.

Ver as transformações em primeira mão é bastante tocante e mostra que não é apenas “moda da nova era”, porém um método cientificamente comprovado e válido para melhoria da saúde.