Para que Serve o Feijão-de-Lima?

Tamanho da fonte:

Viva o feijão-de-lima

Nome Botânico: phaseolus limensis

Feijão-de-lima

O feijão-de-lima é um legume, assim como a lentilha e a ervilha. Até recentemente, acreditava-se que ele era originário do Brasil, mas novas descobertas apontaram a Guatemala. As referências ao feijão-de-lima começaram a aparecer na literatura antiga por volta de 1500. Conhecido por sua textura e sabor amanteigados, inúmeras variedades são cultivadas em todo o mundo em diferentes arbustos e trepadeiras.

Nos Estados Unidos, o feijão-de-lima aparece em abundância ao longo da costa da Califórnia. Talvez devido à sua origem nos climas da América do Sul, o feijão-de-lima exije uma temperatura mínima do solo de 18 graus para germinar.

O feijão-de-lima seco precisa ficar de molho por pelo menos seis horas. Depois de escorrido, pode ser cozido no vapor ou fervido por cerca de 20 minutos, assim como os tipos frescos ou congelados, com sal e pimenta para dar sabor. Um pouco de manteiga só aumenta seu sabor característico — o que explica por que, em algumas áreas do país, ele é chamado de feijão-manteiga.

O feijão-de-lima enlatado deve ser escorrido e lavado antes do preparo. Em qualquer caso, o feijão-de-lima vai bem com hortaliças em caçarolas, sopas e até mesmo frio em saladas.

Benefícios do feijão-de-lima à saúde

O feijão-de-lima contém 39% do valor diário de ácido fólico, necessário para a síntese do DNA e divisão celular. Ele também contém 20% do valor diário de tiamina (vitamina B1) e 15% de vitamina B6. Entre outros nutrientes estão o ácido pantotênico, a riboflavina e a niacina, a maioria dos quais funcionando como coenzimas para metabolizar carboidratos, proteína e gorduras no seu sistema.

As fibras do feijão-de-lima fornecem 53% da exigência diária do seu corpo - importante não só como 1) laxante, mas 2) para proteger o cólon e combater o câncer reduzindo o tempo em que as substâncias tóxicas ficam no cólon, e 3) para reduzir os níveis de colesterol no sangue, diminuindo a reabsorção no cólon.

O teor mineral no feijão-de-lima fornece praticamente metade do que você precisa por dia em manganês, juntamente com quantidades abundantes de ferro, magnésio, potássio, fósforo e antioxidantes importantes.

Informação nutricional do feijão-de-lima

Porção: 100 gramas, cozido, sem sal
  Qtde. por porção % Valor diário*
Calorias 115  
Calorias provenientes de gordura 3  
Gorduras totais 0 g 1%
Gorduras saturadas 0 g 0%
Gorduras trans    
Colesterol 0 mg 0%
Sódio 2 mg 0%
Carboidratos totais 21 g 7%
Fibras alimentares 7 g 28%
Açúcar 3 g  
Proteína 8 g  
Vitamina A 0% Vitamina C 0%
Cálcio 2% Ferro 13%

*Valores diários percentuais com base em uma dieta de 2.000 calorias. Seus valores diários podem ser maiores ou menores conforme suas necessidades energéticas

Estudos feitos sobre o feijão-de-lima

Segundo diversos estudos, os legumes, tais como o feijão-de-lima, podem ajudar os pacientes com diabetes a reduzirem o consumo de insulina. Um estudo em particular descobriu que o processo digestivo lento mantém o índice glicêmico baixo, ajudando a estabilizar os níveis de glicose no sangue. Sendo assim, um consumo maior de feijão ajuda a reduzir o valor total glicêmico das refeições.

Um estudo publicado em 2012 mostrou que as altas quantidades de ácido fólico presentes no feijão-de-lima podem reduzir o risco de morte por câncer de mama e elevar as chances de sobrevivência, aumentando em até 58% nas pessoas que consomem quantidades saudáveis antes do diagnóstico do câncer de mama. Nos testes, os consumos mais elevados foram associados a uma taxa 58% maior de sobrevivência ao câncer de mama.

Receita saudável de feijão-de-lima: feijão-de-lima à moda antiga

Feijão-de-lima

Ingredientes:

  • 110 gramas de peru defumado cozido, em fatias
  • 1 xícara de feijão-de-lima grande e seco
  • 1 litro de água fervente
  • 1 folha de louro
  • 2 ramos de folhas de aipo
  • 5 ramos de salsa
  • 1/3 xícara de melaço de sorgo
  • 1/4 xícara de açúcar mascavo compacto
  • 2 colheres de chá de mostarda seca
  • 2 colheres de chá de sal
  • 1/8 colher de chá de pimenta
  • 1 cebola média, picada
  • 1/2 xícara de xerez

Modo de preparo:

  1. Lave o feijão-de-lima. Coloque em uma panela grande com água fervente e deixe ferver por 2 minutos. Tampe e deixe repousar por uma hora.
  2. Amarre a folha de louro, folhas do aipo e salsa. Acrescente-as ao feijão-de-lima e deixe ferver por uma hora. Escorra o feijão, reservando 1 xícara e meia do líquido.
  3. Aqueça o forno em 120 °C. Disponha em camadas o feijão-de-lima escorrido e o peru fatiado em uma assadeira de 1 litro com fatias de porco em cima.
  4. Misture o melaço, açúcar mascavo, mostarda seca, sal, pimenta e cebola com 1 xícara e meia do líquido do cozimento do feijão. Despeje sobre o feijão-de-lima e tape. Leve ao forno em 120 °C por 2 horas e meia.
  5. Retire a cobertura e despeje o xerez sobre o feijão-de-lima. Asse por uma hora. Serve oito porções.

Essa receita serve oito porções.

(Extraído das Receitas de Terry)

Curiosidades do feijão-de-lima

Acredita-se que várias formas selvagens e cultivadas do feijão-de-lima foram deixadas ao longo das rotas de comércio indígena da América do Sul até o México, onde ele era usado como fonte de proteínas pelas tribos maias, incas e astecas.

Resumo

Seja do arbusto ou da trepadeira, seja seco, fresco ou congelado, o feijão-de-lima pode compor uma deliciosa refeição sozinho. A maneira mais fácil é prepará-lo simplesmente com sal, pimenta e manteiga. Mas, mesmo quando usado em sopas ou saladas, ele oferece um incrível bônus nutricional na forma de fibras, ácido fólico, vitaminas B1 e B6 e diversos minerais, com capacidade comprovada de redução dos níveis de diabetes e câncer.