Azeite de Dendê: Um Superalimento Tropical Fantástico

azeite de dendê

Resumo da matéria -

  • O azeite de dendê, conhecido também como azeite de dendê vermelho, contém grandes quantidades de gordura saturada, vitaminas e antioxidantes.
  • Foi descoberto por meio de estudos que o azeite de dendê não refinado exerce um papel importante na saúde cardiovascular.
Tamanho da fonte:

Apesar da maioria dos conselhos de saúde pública recomendarem evitar a gordura saturada devido à falsa associação às doenças cardíacas, este tipo de gordura é, na verdade, importante para a saúde geral.

Por este motivo, incluí a gordura saturada de alta qualidade em meu plano nutricional abrangente.

O óleo de coco é uma das melhores fontes de gordura saturada, bem como de outras propriedades benéficas. Eu mesmo faço uso dele e mencionei com detalhes em vários dos meus artigos. Mas hoje vou falar sobre outro óleo tropical que merece atenção devido à sua grande concentração de gordura saturada e de seu incrível perfil nutricional: o azeite de dendê.

O Que é Azeite de Dendê?

O azeite de dendê é extraído de dois tipos de fruta de dendezeiro: Elaeis guineensis, comum das regiões africanas e Elaeis oleifera, encontrada na América do Sul.

Os registros históricos sugerem que o azeite de dendê fazia parte da dieta da população indígena.

Atualmente, esta é a segunda cultura oleaginosa mais comercializada no mundo, depois da soja, tendo a Malásia e a Indonésia como seus principais produtores. O azeite de dendê não deve ser confundido com o óleo de palmiste. Ambos são retirados da fruta, sendo o último derivado das sementes da dendezeira.

O óleo de palmiste possui uma quantidade maior de gorduras saturadas, o que o torna ideal também no preparo de alimentos.

O azeite de dendê, conhecido também como azeite de dendê vermelho, contém grandes quantidades de gordura saturada, vitaminas e antioxidantes. Se encontrar azeites de dendê sem cor (também conhecido como azeite de dendê branco), significa que ele foi processado.

A falta de cor significa que a maioria de suas propriedades nutricionais foi retirada.

Aplicações do Azeite de Dendê

Entre as aplicações do azeite de dendê estão:

  • Óleo de cozinha: Assim como o óleo de coco, o azeite de dendê é resistente ao calor se comparado a outros óleos vegetais. Sua estabilidade permite também que ele seja armazenado à temperatura ambiente por vários meses.
  • Ingrediente saboroso: O azeite de dendê é usado como ingrediente em sopas e molhos ou para temperar determinados pratos.
  • Suplemento alimentar: O azeite de dendê possui um excelente perfil nutricional superior que o torna útil na suplementação.
  • Cuidado pessoal e produtos para o lar: O azeite de dendê é usado em sabonetes e detergentes, em cosméticos e em outros produtos para o lar.
  • Hidratante para a pele: Devido ao seu denso perfil nutricional, o azeite de dendê é benéfico para a saúde da pele. É usado em vários produtos para tratamento da pele.
  • “Protetor solar”: Com seu alto nível de carotenos, o azeite de dendê vermelho oferece proteção semelhante ao protetor solar comercial com SPF15, mas sem os componentes perigosos.
  • Biocombustível: O azeite de dendê vem se tornando rapidamente uma fonte de biocombustível e sendo utilizado como combustível em centrais elétricas.

Composição do Azeite de Dendê

O azeite de dendê contém cerca de 50 por cento de gordura saturada (a maior parte de ácido oleico), 40 por cento de ácidos graxos monoinsaturados (MUFAs) e 10 por cento de ácidos graxos poli-insaturados (PUFAs).

A cor vermelha do azeite de dendê é proveniente dos carotenos betacaroteno e licopeno, os mesmos nutrientes que dão cor às cenouras e aos tomates. O nível de caroteno no dendê é 15 vezes maior do que o das cenouras e 300 vezes maior do que o dos tomates.

É por isso que o azeite de dendê é aclamado como a melhor fonte de betacaroteno e alfacaroteno, ambos precursores da vitamina A;

O azeite de dendê contém também 20 outros carotenos, bem como os nutrientes a seguir:

  • Vitamina E, especialmente tocotrienol
  • Vitamina K
  • CoQ10
  • Esqualeno
  • Fitosteróis
  • Flavonóides
  • Ácidos fenólicos
  • Glicolipídios

Benefícios do Azeite de Dendê

Estudos revelaram que o azeite de dendê não refinado exerce um papel importante na saúde cardiovascular. Em um estudo publicado na British Journal of Biomedical Science (Revista Britânica de Ciência Biomédica), foi relatado que, apesar do alto nível de gordura saturada presente no azeite de dendê, ele não contribui para a aterosclerose e nem para a trombose arterial.

Os pesquisadores sugeriram que este fato de deve à taxa de gorduras saturadas em relação às insaturadas presentes no azeite de dendê, bem como ao seu perfil rico em nutrientes.

Os tocotrienóis encontrados no azeite de dendê auxiliam também o coração contra o estresse, sugerindo proteção contra as doenças cardíacas. Entre os benefícios cardiovasculares associados ao consumo do azeite de dendê estão:

  • Melhoria na circulação sanguínea
  • Controle do nível de colesterol
  • Redução da inflamação e dos danos causados por radicais livres
  • Redução da pressão arterial

Os estudos sugerem que as propriedades antioxidantes do azeite de dendê ajudam a impedir vários tipos de cânceres. De acordo com as descobertas, os tocotrienóis exibem suas propriedades antioxidantes poderosas e auxiliam a inibir o desenvolvimento de cânceres de pele, estômago, pâncreas, pulmão, fígado, seio, próstata, cólon e outros.

A vitamina E comum não consegue realizar este feito.

Descobriu-se também que o estoque antioxidante do azeite de dendê ajuda a impedir a degeneração neurológica, por meio da redução dos radicais livres que danificam o cérebro e os tecidos nervosos, promovendo a circulação, que aumenta a proteção contra doenças como a demência, Alzheimer, Parkinson e outros problemas mentais.

Outras evidências confirmam também que o azeite de dendê pode ajudar a fortalecer a função imunológica a e promover a saúde ocular, oral, pulmonar, cutânea, do fígado e dos ossos. Por ser um óleo rico em gordura, o azeite de dendê aumenta a absorção de nutrientes solúveis em gordura, como as vitaminas A, D e E.

Como Fazer Azeite de Dendê

Em pequenas e grandes operações, os quatro passos principais para a produzir azeite de dendê são:

  • Separação da fruta do feixe (a fruta da dendezeira cresce em cachos)
  • Amolecimento da polpa da fruta
  • Extração do óleo da fruta
  • Purificação do óleo

Infelizmente, a qualidade do azeite de dendê sofre alteração e fica comprometido durante o processo de purificação. Alguns fabricantes utilizam processos de refinamento que fazem com que o óleo fique branco, indicando que ele perdeu a maior parte de suas propriedades nutricionais.

Como Usar o Azeite de Dendê?

O azeite de dente é, antes de mais nada, um óleo comestível. Sugiro usar o azeite de dendê vermelho não refinado para receber os benefícios nutricionais que ele tem a oferecer. No entanto, ele tem um gosto bem ativo, o que muita gente não aprecia.

Aplicar o azeite de dendê diretamente na pele é também benéfico. Ferimentos como contusões, queimaduras de sol e cortes também desaparecem mais rapidamente com a aplicação do azeite de dendê.

O Azeite de Dendê é Seguro?

Embora a comunidade médica esteja festejando o azeite de dendê como um superalimento, muitos ambientalistas protestam conta ele. Devido ao aumento da demanda, as florestas tropicais da Malásia estão sendo derrubadas e substituídas por plantações de dendezeiras africanas.

A produção de azeite de dendê foi associada ao desmatamento e traz ameaça à vida selvagem como, por exemplo, os orangotangos, os elefantes-pigmeus, os leopardos-nebulosos e determinadas espécies de pássaros.

Para estimar os danos ambientais, grupos ambientais não-governamentais e fabricantes uniram-se em 2004 e criaram a Roundtable for Sustainable Palm Oil (RSPO) (Mesa Redonda Para o Azeite de Dendê Sustentável), um órgão de certificação global.

Eles criaram oito princípios ecológicos, com 39 critérios, para impedir os impactos ambientais negativos da produção do azeite de dendê. Os fabricantes devem atender a esses critérios para receberem a certificação.

Efeitos Colaterais do Azeite de Dendê

O consumo do azeite de dendê vermelho é seguro, mesmo em grandes quantidades. Não oferece nenhum efeito colateral semelhante aos apresentados pelas drogas. Devido à composição do azeite de dendê, ele é melhor metabolizado se consumido junto com algum alimento.

Dessa forma, há menos risco de ocorrer desconforto abdominal ou problemas intestinais.

Uma pequena ressalva, no entanto, é que o consumo desse óleo em grande quantidade pode fazer com que a pele fique amarelada. Isso ocorre devido ao alto nível de carotenos presentes no azeite de dendê.

O lado positivo é que essa pequena alteração indica que houve aumento na proteção contra os perigosos raios UV.

A aplicação tópica do azeite de dendê vermelho pode fazer com que a pele fique amarelo-avermelhada. Embora possa ser removido na lavagem, as manchas do azeite de dendê na roupa são mais difíceis de remover.

Uma solução seria aplicar o óleo de palmiste, que é absorvido com mais eficiência pela pele do que o azeite de dendê.