O Que Provoca a Celulite e Ela Pode Sumir?

Celulite

Resumo da matéria -

  • A celulite, ou pele de casca de laranja, que surge na superfície das pernas, glúteos e braços, afeta quase 90 por cento das mulheres e 10 por cento dos homens durante suas vidas
  • Os fatores de risco incluem redução do estrogênio durante a menopausa, hiperinsulinemia, posição sentada por tempo prolongado e estilo de vida sedentário
  • As estratégias para redução da aparência, prevenção do desenvolvimento ou interrupção da progressão da celulite incluem opções naturais, exercícios, alterações na dieta e intervenção médica.
Tamanho da fonte:

Por Dr. Mercola

A celulite é uma ocorrência natural que afeta quase 90 por cento das mulheres e 10 por cento dos homens durante suas vidas. Na superfície, a celulite aparece como uma pele irregular e rugosa. No entanto, o processo de desenvolvimento da celulite é mais do que simplesmente superficial.

O enrugamento da pele acontece quando a camada de gordura sob a pele empurra o tecido conjuntivo e sobressai, causando a característica aparência de casca de laranja ou queijo cottage. Para as mulheres, o risco de desenvolvimento da celulite aumenta com a idade e tem seu pico de ocorrência na proximidade da menopausa.

Alterações hormonais, especificamente redução dos níveis de estrogênio, podem contribuir com alterações na circulação e redução na produção de colágeno. Uma combinação de células adiposas aumentando em tamanho ou em número, camada mais fina de colágeno e alteração no suprimento sanguíneo pode levar ao desenvolvimento da celulite.

Tecnicamente, a celulite não é perigosa e nem mesmo um incômodo, porém pode ser pouco atraente para algumas pessoas. A indústria da beleza tem produzido centenas de cremes, loções, poções e “curas” diferentes para reduzir a aparência da celulite.

Fatores de Risco que Aumentam o Potencial para Desenvolvimento da Celulite

O termo médico para a celulite é lipodistrofia ginóide. As alterações visíveis que resultam em celulite ocorrem quando há alteração na distribuição de gordura ou no metabolismo resultando em alteração na estrutura das células adiposas e no tecido conjuntivo.  

A etiologia exata e a patofisiologia são difíceis para identificação de um fator causativo, pois existem vários processos que ocorrem sequencial e simultaneamente, afetando o desenvolvimento da condição.

Alterações estruturais podem ser estimuladas por desequilíbrios hormonais. A redução dos níveis de estrogênio durante a menopausa aumenta, significativamente, o potencial para desenvolvimento da celulite.

Outros fatores de risco são altos níveis de insulina e catecolaminas, ambos integrantes da quebra e armazenamento de moléculas adiposas.

Altos níveis de carboidratos na dieta aumentam o risco de desenvolvimento de hiperinsulinemia, a qual dá apoio à lipogênese, ou a formação de células adiposas e crescimento das células atuais.  Outros hormônios que podem desempenhar papel importante são a noradrenalina, o hormônio da tireoide e a prolactina.

As mulheres possuem maior risco de desenvolvimento de celulite, pois há uma significante diferença na forma como seu tecido conjuntivo e suas células adiposas são organizadas em comparação aos homens. As células adiposas nas mulheres tendem a organizar-se verticalmente sob a pele.

Conforme elas crescem, as partes superiores dilatam e pressionam através da camada de tecido. As células adiposas nos homens são tipicamente organizadas horizontalmente e acomodam-se de forma uniforme umas contra as outras.

Ficar muito tempo na posição sentada e um estilo de vida sedentário pode alterar os padrões circulatórios e aumentar o risco de desenvolvimento de celulite. Alguns pesquisadores também estabeleceram uma conexão entre alterações inflamatórias crônicas e o aumento do risco, encontrando macrófagos e linfócitos no tecido da celulite.

Fumantes igualmente possuem um risco maior de desenvolver celulite, assim como as pessoas que ficam por longos períodos em um mesmo lugar. O melhor momento para começar a tomar decisões inteligentes é antes que a celulite comece a aparecer. Existem quatro estágios para o desenvolvimento da celulite podendo começar em mulheres já na idade de 16 anos.

  • Grau 0: Nenhuma celulite presente
  • Grau 1: Pele lisa ao ficar em pé, inchaços e covinhas aparecem ao sentar-se.
  • Grau 2: Aparência de casca de laranja ou queijo cottage ao sentar-se ou mesmo ao ficar em pé.
  • Grau 3: Aparência de casca de laranja presente ao sentar-se ou mesmo ao ficar em pé com áreas profundamente saltadas e deprimidas.

Medicamentos Naturais Contra a Celulite

  • Escovação da Pele Seca

    Embora haja benefícios no uso da escovação da pele seca por motivos estéticos, a técnica também oferece benefícios a todo o corpo. A pele é o maior órgão do corpo.

    A escovação da pele seca ajuda a amaciar depósitos de gordura dura sob a pele distribuindo esses depósitos de gordura de maneira uniforme. Isto pode ajudar a reduzir a aparência da celulite.

    A técnica também estimula o sistema linfático, esfolia a pele, aumenta a circulação, melhora a digestão e pode ajudar a aliviar o estresse.
  • Liberação Miofascial

    Esta é uma técnica simples e eficiente usada para liberar limitações teciduais no tecido conjuntivo sob a pele, causadas por trauma, inflamação ou procedimentos cirúrgicos.

    Uma pequena carga aplicada vagarosamente com pressão gentil na área ajuda a alongar a fáscia e o tecido conjuntivo.

    Se não cabe no seu orçamento fazer uma massagem semanalmente, você pode tentar usar um rolo de espuma. Isto pode realizar tanto a liberação miofascial como a massagem profunda no tecido, reduzindo a imobilidade e a dor musculares. Não são caros e são frequentemente recomendados por terapeutas físicos para ajudar a alcançar resultados em casa.
  • Esfoliação ou manta com café

    Conforme demonstrado no vídeo acima, o café pode ajudar a regar o tecido circundante e temporariamente reduzir a aparência da celulite. A cafeína também estimula o fluxo sanguíneo e linfático para uma área, pode ser usada para esfoliação e pode ajudar a firmar a pele.

    A esfoliação pode ser feita com óleo de coco e grãos de café finamente moídos como máscara facial para firmar e abrilhantar a pele. Os efeitos podem durar por várias horas.
  • Hidratação Natural

    Ainda não existem estudos concretos, mesmo que exista uma ligação entre a exposição a toxinas e o desenvolvimento da celulite. No entanto, reduzindo a carga de produtos químicos tóxicos de uma maneira geral, pode-se ajudar o organismo a funcionar de forma muito mais adequada.

    Use um hidratante natural, como o óleo de coco, por exemplo, para evitar perfumes e outros produtos químicos que possam ser absorvidos pela pele.   
  • Equilibre os Hormônios

    Pesquisadores teorizam que o desequilíbrio ou a falta de hormônios pode aumentar o risco de desenvolvimento de celulite, por isso o aumento de mulheres que a desenvolvem durante a menopausa.

    Os hormônios controlam a estrutura e a função da maior parte do organismo, portanto prestar atenção na dieta, nos exercícios, na exposição a produtos químicos, no sono e nos carboidratos, pode afetar o equilíbrio hormonal e, assim, a progressão da celulite.
  • Consuma Gelatina

    A gelatina é composta por aminoácidos encontrados principalmente nos ossos e no tecido conjuntivo. Existem múltiplos benefícios, desde melhora dos cabelos e das unhas, até a recuperação de juntas e melhora da digestão.
  • Pare de Fumar

    O fumo reduz o fluxo sanguíneo e a produção de colágeno de qualidade. O colágeno e a elastina ajudam na redução da aparência e da progressão da celulite. O fumo também provoca rugas prematuras e aumenta o risco de pele seca, sem cor.

    Parar de fumar é um desafio e frequentemente necessita de um sistema de apoio. Nunca é tarde para beneficiar-se do ato de parar de fumar. Acredito que o “segredo” seja ficar saudável primeiro facilitando o ato de parar de fumar.

    Uma pesquisa realizada mostra que pessoas que engajaram-se na prática regular de exercícios (especificamente treinamento de força) estão DUAS VEZES mais suscetíveis ao sucesso de parar de fumar que aquelas que não se exercitam.

    Nutrição adequada, exercícios regulares, sono tranquilo e bom gerenciamento do estresse são formas muito melhores de abordagem para a interrupção do fumo.
  • Óleo Essencial de Toranja

    Um dos benefícios mais reconhecidos do óleo essencial da toranja e de outros óleos cítricos é seu efeito positivo sobre o sistema linfático. Usar o óleo de toranja pode ajudar a aumentar a atividade das glândulas linfáticas, assim prevenindo problemas como má circulação e celulite.

    Misture uma ou duas gotas de óleo essencial de toranja com um óleo base e massageie sobre a área com celulite fazendo pressão.   

Mudanças Nutricionais

Altos níveis de insulina aumentam a quantidade de gordura que o organismo produz. A celulite é resultante do aumento em tamanho e número de células adiposas e o organismo aumenta a quantidade de insulina produzida conforme aumenta o consumo de net carbs (açúcares).

Uma das formas mais poderosas para manter o peso corporal, reduzir os riscos de desenvolvimento de celulite e reduzir o risco potencial de contrair diabetes é manter uma dieta pobre em carboidratos e rica em gorduras saudáveis.

A perda de peso foi associada tanto à redução da aparência da celulite quanto à piora da condição. Em um estudo realizado, pesquisadores concluíram que os participantes mostraram melhora na aparência da celulite com a perda de peso quando experimentaram significante redução no peso e gordura sobre os músculos da coxa.

A aparência da celulite piorou quando os participantes começaram com um índice de massa corporal menor e experimentaram menor redução de peso sem acompanhar a alteração na porcentagem de gordura sobre os músculos da coxa. Manter uma dieta saudável, rica em vitaminas pode também ajudar na redução do desenvolvimento da celulite ou interromper sua progressão.

Vitamina C, vitamina solúvel em água encontrada em frutas cítricas, nos brócolis, morangos e espinafre, protege seu organismo contra radicais livres e espécies reativas de oxigênio, produzidos durante o metabolismo. A Vitamina C também está relacionada à habilidade do organismo em queimar gordura. Consumir alimentos ricos em cálcio, zinco, potássio e selênio pode ajudar o organismo a queimar gordura de forma mais eficaz.

As catequinas encontradas no chá verde têm recebido atenção da mídia, pois acredita-se que elas aumentem a habilidade do organismo em queimar gordura e potencialmente perder peso. Antioxidantes encontrados no chá verde igualmente podem retardar o declínio mental, reduzir inflamações e melhorar a saúde cardíaca.

A combinação redução de inflamações e assistência à queima de gordura e perda de peso pode ajudar na redução da aparência da celulite.

Tratamentos que Podem Reduzir a Aparência da Celulite

  • Cremes e Loções

    O ingrediente ativo dos cremes e loções vendidos em balcão é geralmente à base de cafeína. Você obterá os mesmos benefícios fazendo a esfoliação com café descrita acima, sem os produtos químicos e perfumes do produto industrializado.
  • Terapia com Onda Acústica 

    Esta terapia envia ondas de choque de baixa energia através do tecido supostamente reduzindo a retenção de fluido e quebrando as moléculas adiposas. Os resultados do estudo não são claros em relação aos benefícios em curto prazo deste método.
  • Terapia a Laser ou Luz  

    Esta pode ser usada na parte externa da pele ou como procedimento invasivo, diretamente sob a pele. Até o momento, pesquisas realizadas com o procedimento não invasivo não foram positivas. O procedimento mais invasivo demonstrou melhores resultados podendo durar por até seis meses.
  •  Tratamento com Frequência de Rádio  

    Aquecer a pele usando ondas de rádio eletromagnéticas aumenta a produção de colágeno e reduz a aparência da celulite. No entanto, estudos realizados ainda não demonstraram evidências conclusivas da eficácia deste tratamento.
  • Mesoterapia

    Este tratamento controverso envolve injeção de medicamentos fora da indicação terapêutica (medicamentos aprovados para outras condições, porém não para esta condição) diretamente no tecido. Geralmente, são necessárias 10 sessões ou mais. Muitos especialistas consideram este tratamento não comprovado e arriscado.
  • Subcisão

    Este é um pequeno procedimento cirúrgico desenvolvido para redução da aparência de cicatrizes e rugas quebrando filamentos fibróticos. Foi aprovado em 2015 pela U.S. Food and Drug Administration para tratamento da celulite com resultados que duram até dois anos.

Exercícios Podem Ajudar a Combater a Celulite

Os seguintes exercícios foram compilados pela Skinny Mom e reportados no Huffington Post.

  • Agachamento

    "Em vez de ficar em pé com seus pés afastados à largura das ancas e com os dedos dos pés voltados para frente, abra as pernas mais amplamente e aponte cada dedo do pé para a parede adjacente: dedos esquerdos em direção à parede esquerda, dedos direitos em direção à parede direita. Mantenha a mesma postura e técnica para o agachamento regular.

    Porém, quando você voltar à posição vertical, comprima a parte interna das coxas. Tente comprimir os glúteos e dê um impulso pélvico para cima para certificar-se de que está tendo como alvo as partes interna e externa das coxas."
  • Agachamento com Bola de Exercício

    "Fique em pé com os pés abertos paralelos aos ombros e segure a bola acima da cabeça. Jogue os quadris para trás e para baixo conforme a parte superior do corpo os acompanha. Traga a bola para baixo à sua frente na altura dos ombros. Mesmo que você esteja focando na bola à sua frente, certifique-se de que seus joelhos não ultrapassem os dedos dos pés e o peito esteja levantado. Expire e impulsione durante o agachamento de volta para a posição em pé e levante a bola acima da cabeça novamente."
  • Ponte

    "Deite-se de costas com os braços confortavelmente ao lado do corpo e os pés dobrados sob os joelhos. Empurre, usando os calcanhares, os quadris para cima em direção ao teto. A parte superior das costas e os ombros devem ficar pressionados no tapete ou no chão. Volte à posição inicial e repita o movimento. Para dificultar em um grau, faça o levantamento em uma perna!"
  • Escalador de Montanhas

    "Comece de pé. Dobre-se apoiando as mãos no chão e chute as pernas para fora. Você deve ficar na posição de prancha. Chute sua perna direita o mais próximo possível de sua mão direita; a sensação deve ser a de uma estocada profunda. Puxe aquela perna de volta e repita o movimento com a outra perna.

    Em seguida, balance o joelho para o lado e dobre-o para fora dos ombros. Depois que cada movimento for feito uma vez, salte ou dobre os joelhos de volta e fique em pé, voltando à posição inicial.”
  • Levantamento da Perna Para o Lado Usando uma Faixa de Resistência

    "Pegue uma faixa de resistência e deite-se de lado com as pernas retas. Enrole a faixa em volta dos tornozelos. Deite-se do lado direito com as pernas retas, sua perna esquerda sobre a direita. Use o antebraço direito como apoio segurando a parte superior do corpo acima do solo.

    Mantendo as pernas retas, levante a perna direita o mais alto possível. Levante quantas vezes você puder deste lado por 30 segundos. Troque para a perna esquerda e levante-a, com a faixa, quantas vezes puder por 30 segundos."